espaços

todos os dias quando acorda, vai até a porta e pega o jornal. não interessa as notícias de ontem, já leu tudo na internet. vai direto para o caderno costumeiro, abre na página certa e lê o horóscopo. enquanto lê, seus olhos enchem de lágrimas. não pelo horóscopo, mas pelo que aconteceu na noite anterior. acha que forçou. não sabe mais o que é certo, o que é errado.

sabe o quanto é difícil para você falar, acha que deve doer. mesmo assim continua fazendo as perguntas costumeiras sem parar. vê você perdido, com o espaço invadido e escondendo-se nos travesseiros.

– não quero falar.
– mas você nunca quer falar. não confia em mim.
– isso é tão meu.
– nossa, não chora.
– …
– não era pra ser assim.
– talvez não fosse.
– me desculpa?

Anúncios

2 comentários

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s